Share This Post

Fluminense

Fluminense e Atlético-PR medem forças na Sul-Americana: duelo marcado pelo equilíbrio

Fluminense e Atlético-PR medem forças na Sul-Americana: duelo marcado pelo equilíbrio

Atlético-PR e Fluminense se enfrentarão nesta quarta-feira (7), na Arena da Baixada, às 21h45 (de Brasília), primeira partida da semifinal da Sul-Americana. Os clubes brasileiros colocarão à prova as duas melhores campanhas do torneio até aqui para saber quem levará vantagem para o jogo de volta, dia 28, no Maracanã. O equilíbrio marca o confronto, com teórica vantagem para o Fluminense, que tem uma derrota a menos.

Os números são bem parecidos. Em oito partidas, o Fluminense venceu seis, empatou uma e perdeu outra. O Furacão também venceu seis, mas saiu derrotado em outras duas. No desempenho de gols prós e contras, o clube paranaense leva vantagem: marcou 15 e sofreu cinco gols (saldo de dez), tendo o melhor ataque da competição. O Fluminense balançou as redes em 12 oportunidades, sofrendo três gols (saldo de nove). Os principais artilheiros de ambas equipes são Nikão e Pablo, com três gols, e Digão, Gum e Pedro, com dois.





Marcos Jr. foi um dos autores do gol da vitória tricolor no turno do Brasileiro (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Ainda sobre os números das equipes, outra coincidência: no Brasileiro, os algorítimos se invertem: Atlético-PR e Fluminense são 9° e 10°, respectivamente. O clube paranaense tem 43 pontos, uma derrota a menos e uma vitória a mais do que os cariocas, que têm 40 pontos.

O equilíbrio é tanto que o Fluminense venceu a partida pelo primeiro turno do Brasileiro, no Rio de Janeiro, por 2 a 0 (gols de Marcos Jr. e Thiago Heleno, contra). Mas, no segundo turno, Atlético-PR fez 3 a 1 na Arena da Baixada, com gols de Pablo, Léo Pereira e Raphael Veiga. Ou seja, pela mesma diferença de gols.

Raphael Veiga festeja o terceiro gol do Atlético-PR sobre o Fluminense no Brasileiro. (Foto: Guilherme Artigas/Fotoarena)

A história dos confrontos evidencia ainda o histórico de rivalidade entre os dois clubes, com duas vitórias a mais para o Atlético-PR: em 51 jogos, 21 vitórias do Furacão, 19 do Fluminense e onze empates. O Tricolor leva a vantagem no número de gols pró: 71 a 67. Nos últimos dez jogos, quatro vitórias para cada lado e dois empates.

TRAJETÓRIA DO FLUMINENSE NO TORNEIO:

O Fluminense recebeu o Nacional de Potosí, da Bolívia, na primeira fase. Venceu por 3 a 0 o primeiro jogo, e perdeu o segundo, na altitude, por 2 a 0. Na sequência, eliminou o Defensor do Uruguai (2 a 0 e 0 a 1) e Deportivo Cuenca do Equador (0 a 2 e 2 a 0), sempre fazendo a última partida fora de casa. Contra o Nacional-URU, teve dificuldades de se impor em casa: empatou e, 1 a 1, mas  venceu o jogo em Montevidéu, por 1 a 0.

O jovem João Vitor festeja a vitória do Fluminense na Sul-Amerucana. Foto: Matilde Campodonico/AP

TRAJETÓRIA DO ATLÉTICO-PR NA SULA:

O Atlético-PR eliminou o Newell’s Old Boys, da Argentina, e o Peñarol, do Uruguai, na primeira e segunda fases, respectivamente. O time paranaense fez 3 a 0 na equipe argentina jogando em Curitiba e perdeu por 2 a 1 fora de casa. Depois, venceu o tradicional clube uruguaio por 2 a 0 na Arena da Baixada e o goleou por 4 a 1 fora de casa. Nas quartas de final passou sufoco: venceu o Bahia na Fonte Nova por 1 a 0, mas perdeu pelo mesmo placar em casa, obtendo a vaga na disputa por pênaltis.

Jogadores do Atlético-PR festeja a classificação às semfiinais do torneio. Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

PROVÁVEL ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Paulo André, Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington (Bruno Guimarães) e Lucho; Nikão, Raphael Veiga e Marcelo; Pablo. Técnico: Tiago Nunes

PROVÁVEL FLUMINENSE: Júlio César; Gum, Digão e Roger Ibañez; Jadson (Léo), Airton (Jadson), Richard, Sornoza e Ayrton Lucas; Everaldo e Luciano. Técnico: Marcelo Oliveira

Share This Post

Gabriel Lutterbach avatar
Jornalista em formação, 19 anos, mais carioca do que mineiro, mesmo sendo ao contrário na realidade. Setorista do Fluminense pelo Futebolzinho. Tudo que eu entendo do ser humano, devo ao futebol.

Leave a Reply