Share This Post

Dedé Moreira / Flupress

A Sula e o Pedro

A Sula e o Pedro

Amigos, a hora pede prioridades.

Eu sou um ferrenho defensor dos pontos corridos. Acredito que é nesse tipo de torneio que somos capazes de fazer as avaliações mais justas que se podem fazer., quando estamos falando de trabalho de um Departamento de Futebol. Planejamento, modelo, plano, sistema, no ponto corrido, quem faz melhor, ganha. Quem faz mal, fica no meio do caminho.





O Fluminense não tem nada disso. Como falar em planejamento num clube, só para ficar num único exemplo, com mais goleiro que meia no elenco?

O que resta a um clube que planeja mal seu elenco, que não sabe fazer futebol, que acredita que o caminho é única e exclusivamente o corte nos gastos (olha a asfixia financeira pegando a gente de novo) é o acaso.

E onde encontrar o acaso para que o Fluminense não passe mais um ano em branco? Na Copa Sulamericana.

A Copa Sulamericana é um torneio de japonês. Num torneio de japoneses, um japonês vai ganhar.

Quinta Feira a gente joga com o Defensor o jogo de volta e acredito que a classificação está muito bem encaminhada.

Esse ano o Defensor jogou em casa os seguintes jogos pelo Campeonato Nacional:

Vitórias: 1 x 0 Liverpool, 2 x 1, no Boston, 1 x 0 no Progresso.

Derrotas: 0 a 2 pro Atenas, 1 x 3 pro Penarol, 1 x 2, pro Danúbio.

Na libertadores empatou com o Grêmio, perdeu do Cerro e venceu o fraco Monagas da Venezuela (3 a 1), no único jogo em que conseguiu fazer 2 gols de vantagem no ano.

Passado o Defensor (vamos passar) o Fluminense encara o Deportivo Cuenca do Equador, que ficou, na primeira fase do Campeonato Equatoriano, em 10º lugar, num total de 12 times.

É preciso chamar o Marcelo, os jogadores, a torcida e fazer um pacto. Abriu o olho e estamos nas quartas de final.

O Fluminense precisa apenas se salvar no Campeonato Brasileiro, o que convenhamos, não é uma tarefa árdua.

A situação atual do nosso clube, meio de tabela, a 6 pontos do Palmeiras, o sexto colocado, não nos permite sonhar nem com o sexto lugar. Menos pela quantidade de pontos a tirar (perfeitamente possível) e mais porque uma boa campanha nesse tipo de competição demanda aqueles fatores que expus acima e é certo que, nessa gestão, não temos.

Meta de curtíssimo prazo: Conquistar a Sulamericana. Título internacional (mesmo de segunda linha), volta a libertadores e recuperação mínima do prestígio que tínhamos na América até pouco tempo atrás.

Por fim, vamos falar de Pedro.

Pedro estará na seleção brasileira num futuro bem próximo. E a meta acima, guarda relação direta com a manutenção do Pedro até o fim do ano.

O Fluminense tem 19 gols no Campeonato inteiro, 10 são do Pedro, que não bateu pênalti.

O Fluminense também é o time da série A em que menos jogadores fizeram gol no campeonato brasileiro, apenas 5 (Pedro, Gilberto, Marcos Jr, Pablo Dyego e Richard).

Pedro também é o líder em passe pra gol, 2 (junto com Gilberto e Marcos Jr).

Pedro mata todas as bolas, resolve o lance em espaço curto, tem muita categoria pra tabelar, muita facilidade pra finalizar com o pé e com a cabeça e muita capacidade pra buscar o espaço nas costas dos volantes e enfiar bola, o que no time do Fluminense cheio de jogador rápido pelo lado, pode ser uma jogada mortal.

Há quase 10 anos, o falso 9 foi criado (criado não, teve seu papel redefinido). Messi no Barcelona de Guardiola foi uma revolução. E como em toda revolução, tentaram vender que a partir dali um 9 com as características de Fred (e agora Pedro) não teria espaço no futebol, mesmo com o Guardiola no Bayern escalando o Lewandowsky todo jogo.

No futebol, sempre, em qualquer tempo, em qualquer posição, haverá espaço para a qualidade e o talento. Pedro é desses. E esses interessam ao mercado. Segure até o fim do ano, até o retorno esportivo completo, que virá com um retorno financeiro maior. Não faça mais merda Abad!

Tabelinha

– O Cruzeiro massacrou o Flamengo no maracanã, jogando em transição sem velocista, apenas com meio campistas. o Real Madrid ganhou sua terceira Champions com Bale no banco e Isco escalado (4 meio campistas e dois atacantes), a Alemanha foi campeão do mundo no Brasil com meio campistas, sem velocistas. A França barrou o Dembelé no primeiro jogo da Copa pra escalar mais um meio campista e foi campeão do mundo. O Barcelona foi campeão espanhol disparado sem velocista no ataque.

O Fluminense segue com um elenco lotado de velocistas e forma vários deles todo ano. Que tal olhar pro lado?

 

 

Share This Post

Dedé Moreira avatar
Blog do torcedor do flu no Globoesporte, Futebolzinho.com. Gestão Técnica de Futebol e Análise de Desempenho pela Universidade do Futebol.

6 Comments

  1. André Fernandes avatar

    Perfeito.

    Faz tempo que não vejo o Flu revelar um talento como o Pedro. A evolução dele nesses meses de 2018 é assustadora. Mantê-lo tem que ser prioridade, o lucro virá depois…

    E sobre a sula, concordo. Se levar a sério dá pra ir longe e até ganhar. E como o Flu precisa ser obcecado em ganhar, vamos focar onde temos mais chances.

  2. Tarik Moussallem avatar

    Assino embaixo

  3. Carlos Gaia avatar

    Pelo menos o Marcelo Oliveira falou que quer brigar pela Sula.

    Pior foram aqueles que vieram com o discurso de tentat fazer o melhor.

    Avai Flusão
    Dede sempre na mosca

  4. João Claudio Boltshauser avatar

    Concordo que a prioridade é a Sula.
    Pedro é um diamante. Não devia ser vendido agora nem no final do ano.

  5. Haroldo Silis avatar

    Cirúrgico como sempre Dedé! Particularmente, não gosto de velocistas. Os que pude ver, com exceção do Ronaldo, em geral, correm bastante e não são cerebrais, finalizam mal. Hoje é difícil dizer qual é a melhor opção para duplar com o Pedro. Eu gosto da entrega do MJ, faça entre os dentes o tempo inteiro mas, Júnior Dutra é uma boa opção, o Matheus tem seu crédito, não sei descrever o Luciano ainda. Falando em meias, penso que o Fluminense poderia tentar trazer de volta o Vinícius a partir de uma troca. Não é um craque mas, parece arrependido de ter saído do clube e hoje tem jogado um bom futebol. Dentro da realidade do clube, não dá pra sonhar muito.

    • Carlos Gaia avatar

      Também acho que o Vinicius foi embora cedo demais….esses garotos não tem cabeça.
      Jogou bem contra nós.

Comments are now closed for this post.