• JC Barbosa postou 1 mês atrás · updated 1 mês atrás

    Sem querer me meter no assunto alheio e já me metendo: diante de cenas tão graves de selvageria e vandalismo – e isso em um patrimônio público, que não pertence à uma torcida específica – qual será a punição imposta? O que aconteceria com o Vasco da Gama se tais cenas – e outras, tão graves quanto, que não foram mostradas aqui – tivessem ocorrido em São Januário e não na Arena Maracanã? Não se trata aqui de querer ver um rival se dar mal. O que eu gostaria, e garanto toda torcida vascaína igualmente quer, é ver uma justiça que trate todos os clubes de forma equivalente.

    https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/imagens-internas-do-maracana-mostram-cenas-de-desespero-durante-invasao-no-jogo-do-flamengo.ghtml

    • Vai haver punição ao Flamengo.
      Agora, vejo muuuuito vascaíno esperando por “justiça” e querendo isonomia de tratamento pra duas situações bastante diferentes. Vamos aos fatos: o aconteceu em São Januário foi uma baderna que começou DENTRO do estádio e se alastrou pra fora dele com o infeliz desfecho de ter um torcedor morto. Ponto. E isso difere do que ocorreu na final da Sulamericana e em vários outros jogos do Flamengo, como o contra o Botafogo no Engenhão. No jogo do Vasco, além do despreparado da PM e da rivalidade entre os clubes, a torcida vascaína ficou irada com o gol anulado, gol e vitória do Flamengo num momento importante para os dois times no campeonato. Como consequência, houve o apedrejamento aos jogadores do Fla na saída de campo, risco de invasão do gramando e quebra-quebra na saída. No Maracanã, houve ação coordenada da torcida em invadir o campo num ambiente marcada pela rivalidade entre brasileiros e argentinos, frustração da torcida por títulos e clima de final de campeonato. Os envolvidos deveriam ter pensado nessa panela de pressão, foi um erro grotesco. Mas o que pega nesses casos, na minha opinião, é ONDE começa a baderna, dentro ou fora do campo. De qualquer forma, o Fla não disponibilizou segurança necessária dentro do estádio. Enfim, a responsabilidade de cada um deverá e será apurada e penalizada, assim espero.
      Abraço

      • Acho que estamos todos em “choque” ainda, não somente pelo o que aconteceu, mas pelo fato da humanidade achar “normal” roubar um pipoqueiro, invadir, quebrar…. eu estou ainda tão pasmo que passou da esfera futebolistica para mim. Não sei até que ponto a policia controlaria 10 mil pessoas querendo fazer algo errado.

      • Será que vai dar punição mesmo? Tenho minhas dúvidas…