Destaque

Mariana Fontes reforça o time e traz seus convidados para o “Futebolzinho”

Mais uma atração na prateleira de novidades do “Futebolzinho.Com”. O “Segue o Baile”, canal da jornalista e apresentadora Mariana Fontes, que por três anos capitaneou o Melhor Futebol do Mundo (MFM) nos canais Esportes Interativo, passa a rodar também por aqui. Lançado há pouco mais de um ano no Youtube, o “Segue o Baile” fala do futebol com irreverência e sabedoria, trazendo sempre um conteúdo interessante, com convidados daqui e de fora. A irreverente Mariana Fontes promete mais, compartilhando por aqui textos informativos, pitorescos e igualmente bem humorados sobre as coisas do futebol nacional e internacional… Além de entrevistas exclusivas, o canal publica um vídeo por semana, discutindo os temas mais relevantes. Jogadores, jogos decisivos, j...

Diretoria faz promoção de ingressos para o jogo contra o São Paulo, no domingo

A diretoria do Botafogo disponibilizou em seu site as informações necessárias sobre a venda de ingressos para a partida contra o São Paulo, neste domingo (30), às 16h (de Brasília), no Estádio Nílton Santos. A partida é´válida pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, terá preços promocionais variando entre R$ 5 e R$ 40 e os ingressos já estão disponíveis para o público em geral no venda.botafogo.com.br/ingresso. Na sexta-feira (28) os torcedores poderão nos pontos de venda. No dia do jogo, os portões abrirão às 14h. A diretoria avisa que é obrigatória apresentação de documento oficial para entrar no estádio., SOU BOTAFOGO Como o mando é do Botafogo, os sócios terão benefícios para esta partida. O check-in e a compra de acessos estão disponíveis no site do programa desde a semana passada. ...

Interesse europeu, sonho vivido e efetividade: Paquetá é o ‘desequilíbrio’ do time

São apenas 21 anos e Lucas Paquetá já vive um sonho. Jogador de seleção brasileira, artilheiro do Flamengo no Brasileiro (7 gols) e, depois dos fatos citados, algo que não poderia ser diferente: o desejo dos europeus em contar com a joia rubro-negra. Desequilibrando no clube de maior torcida do Brasil, até o treinador de Neymar, Thomas Tuchel, foi perguntado sobre o meia do time carioca, e o técnico do PSG demonstrou que não está de ‘bobeira’. “Conheço o jogador. É bom que ele esteja na seleção brasileira, mas não posso falar de um jogador que não esteja em minha equipe. Ele está no Flamengo, então não há comentários que eu possa fazer”, disse o comandante, despistando sobre alguma negociação.   Lucas Paquetá é visto por Neymar como uma promessa. A relação entre os b...

Joia da base, lateral Riquelme fica sem contrato profissional e agita o mercado

Ele é uma das promessas da base, mas atualmente está sem contrato profissional com o Vasco. O lateral-esquerdo Riquelme, de 16 anos, coleciona algumas convocações para a seleção brasileira sub-15, se destaca no sub-17, mas, desde que fez aniversário no dia 28 de agosto, aguarda a assinatura do contrato que não chega. Pessoas próximas a Riquelme dizem que o jovem desperta o interesse de clubes do Brasil e da Europa. Vasco e o empresário dele abriram negociações no fim de agosto para a assinatura do primeiro contrato profissional (três anos), mas desde então, conforme a reportagem do Futebolzinho apurou, o documento não foi sacramentando. CONVOCAÇÃO PERDIDA E CONTRATO DE FORMAÇÃO Ainda segundo apuração do Futebolzinho, por conta dos problemas contratuais entre Vasco e Riquelme, o lateral esq...

Confiante nos três zagueiros, Ayrton Lucas destaca boa fase: ‘A gente toma poucos gols’

O Fluminense vem apostando em um novo esquema nos últimos jogos. O 3-5-2 foi a escolha de Marcelo Oliveira e está dando certo: nos últimos dois jogos, duas vitórias importantíssimas. Uma contra o Deportivo Cuenca (2 a 0), pela Sul-Americana, e outra diante da Chapecoense (2 a 1), ambas fora de casa. Quem vem se beneficiando com isso é o lateral Ayrton Lucas, que comemorou a boa fase do Flu e destacou a defesa com Léo, Digão e Gum. “Jogos difíceis, acho que a gente não podia ter vindo com um resultado melhor, duas vitórias (Chapecoense e Deportivo Cuenca). Agora é comemorar, mas a gente sabe que ainda há muitos jogos difíceis. Desde da primeira vez que a gente jogou com o Abel, a gente tem sido feliz nesse esquema (três zagueiros) e o Marcelo optou por voltar a essa formação em que a ...

Barbieri despista sobre o time titular: ‘Jogo mais importante do ano na Copa do Brasil’

É decisão. O Flamengo vai enfrentar o Corinthians na quarta-feira (26), pela segunda partida da semifinal da Copa do Brasil, e o técnico Maurício Barbieri concedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu. Sem dar pistas sobre o time, o comandante, que venceu a última partida contra o Galo, por 2 a 1, escalou um time diferente por opção e por algumas ausências, entre elas, o meia Diego, que estava suspenso. Sobre a utilização do camisa 10, Barbieri fez suspense. “Diego é um jogador de qualidade indiscutível. A carreira dele mostra isso. Tem peso muito grande para o elenco. Ele fez uma parte do treino ontem (segunda-feira) e vamos ver como ele estará hoje (terça-feira). Vamos fazer escolhas que possam dar resultados. Ele pode ficar fora, assim como qualquer outro jogador”, disse o ...

Ríos diz que time jogou como numa ‘final’, e deixa com Valentim posição contra o Santos

Em sua posição de origem, o atacante Andrés Ríos fez uma boa partida na vitória do Vasco por 2 a 1 sobre o Bahia, pelo Brasileirão, em São Januário. O time não sabia o que era vencer há cinco jogos e quebrou o jejum com gols de Pikachu e Marrony. Apesar de não ter marcado, o argentino sofreu o pênalti que culminou no primeiro gol vascaíno. Para ele, o Cruz-Maltino encarou o duelo desta segunda-feira (24) como uma final. “A gente encarou o jogo como uma final. Isso se viu no campo. A gente deu a vida e graças a Deus que a vitória ficou aqui em casa porque estávamos precisando muito. O próximo jogo vai ser do mesmo jeito. Difícil. Minha posição fica com o treinador, vamos estar prontos para sempre dar o melhor”, disse Ríos. Na próxima partida, o técnico Alberto Valentim não conta...

Vitória tricolor em Chapecó não garante a manutenção do esquema com três zagueiros

Apesar dos ótimos resultados fora de casa contra Deportivo Cuenca e Chapecoense, respectivamente, pela Sul-Americana e pelo Brasileiro, o técnico Marcelo Oliveira não confirmou a repetição do esquema para o jogo contra o Grêmio, sábado (29), no Estádio Nilton Santos. “Quando você define um esquema, o adversário já vem preparado, sabendo como você joga. Joguei muito tempo com Palmeiras, Cruzeiro e Coritiba no 4-2-3-1, mas com movimentação, podendo modificar dentro do jogo. Aqui no Fluminense, o treinador tem que adequar também a característica dos jogadores. Com três zagueiros, teríamos dois muito rápidos e um mais técnico, que é o Gum. Essa combinação tem sido melhor do que a linha de quatro, porque com a linha de quatro o time acaba ficando um pouco mais exposto. Estamos indo bem. A...

Vitória quebra a escrita na Arena Condá e empurra o time para o G-10 do Brasileiro

Time de Marcelo Oliveira fez dois gols no primeiro tempo e afugentou o “fantasma verde” que incomodava o clube em sua escalada rumo ao topo do Brasileiro. O Fluminense ainda não havia vencido a Chape em Chapecó. Desta vez, repetiu a atuação do 2 a 0 sobre o Cuenca, em Quito, pela Sul-Americana, e pôs os catarinenses no Z-4. Para se ter ideia do tamanho do feito, em quatro confrontos na Arena Condá, todos pelo Brasileiro, os tricolores haviam feito apenas um gol no adversário, tento do volante Edson, hoje no Bahia, na derrota de 2 a 1 em 2015. Até então, eram três derrotas e um empate em Santa Catarina, jejum que incomodava os tricolores. Os gols da noite foram marcados por Everaldo e Sornoza, com Leandro Pereira descontando para a Chape aos 33 minutos da etapa final – doi...

Tricolor, embalado, tenta por fim à escrita de jamais ter vencido a Chape como visitante

Animado pela vitória de 2 a 0 na altitude de Quito, sobre o Deportivo Cuenca, pela Sul-Americana, o time de Marcelo Oliveira joga hoje tentando engrenar no Brasileiro para lutar por uma das vagas na Libertadores de 2019. É uma visão otimista se confrontada com os números que traduzem a dureza desse duelo das 20h (de Brasília)  contra a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó. Em dez confrontos entre os dois clubes, nove pelo Brasileiro e um amistoso, o time tricolor venceu apenas o do primeiro turno (3 a 1), em maio, no Maracanã. Nos demais, foram seis derrotas e três empates, comprovando a escrita favorável à Chapecoense, adversário que os tricolores jamais venceram jogando como visitante. Nas últimas quatro edições do Brasileiro, foram três vitórias dos catarinenses e um empate – o 0 a 0...

Time, pressionado, reencontra o algoz Bahia na estreia de Valentim em São Januário

Após quase um mês longe de seu estádio, o Vasco volta à Colina Histórica nesta segunda-feira (24). Pressionado pelos resultados, já que não vence há cinco jogos, Alberto Valentim vai buscar o triunfo inédito em sua estreia em São Januário. Além dele, será a primeira vez que a nova terceira camisa vai ser utilizada. O adversário do duelo das 20h (de Brasília), pela 26ª rodada do Brasileiro, é o Bahia, algoz do clube carioca em 2018. EM FASE RUIM, VALENTIM TERÁ SÃO JANUÁRIO AO LADO A última partida do Vasco em São Januário foi também a vitória mais recente do Cruz-Maltino, no dia 26 de agosto, quando derrotou a Chapecoense por 3 a 1, com grande atuação de Maxi López. Valentim então assumiu a equipe vascaína e colecionou quatro derrotas (para Atlético-PR, na Arena da Baixada, Santos, no Marac...

Empréstimo aprovado, é hora da oposição do Vasco se explicar

Com pouco tempo, vários assuntos importantes sobre o Vasco acabaram passando sem um comentário – não solicitado por ninguém, como sempre – aqui do Blog da Fuzarca. Mas volto ao espaço em pleno domingão para falar do empréstimo que a Diretoria buscava aprovação junto ao Conselho Deliberativo. Finalmente Campello conseguiu aprovar o empréstimo. Mas isso, depois de uma primeira tentativa frustrada pelo Conselho, que pediu mais informações sobre a operação financeira. O problema é que a demora em fechar o negócio o tornou menos favorável ao clube. Na prática, o Vasco perdeu R$ 7 milhões que teria conseguido se o empréstimo fosse aprovado na primeira votação. Até aí, nada demais. Presidentes pedindo empréstimos sem esclarecer os trâmites do negócio podem trazer prejuízos bem maiores ao cl...

  • 1
  • 2