Valentim

Alberto Valentim ressalta tristeza do elenco e procura forças para levantar o astral do time


A derrota para o Palmeiras, por 1 a 0, em São Januário, foi sentida pelos jogadores do Vasco. E até pelo técnico Alberto Valentim que chegou à sala de imprensa visivelmente abatido e aborrecido por não ter conseguido o ponto mínimo que confirmaria a permanência do Vasco na Série A. O técnico vascaíno lamentou a falta de agressividade do time no segundo tempo, mas falou em levantar o emocional dos jogadores para a partida da última rodada, contra o Ceará, domingo (2), no Castelão, em Fortaleza. – Está todo mundo triste, mas vamos recuperar forças. Temos uma semana cheia. Vamos descansar bem os jogadores e recuperar bem o lado mental para fazer uma semana com tranquilidade e com muita força interior. O técnico chegou a elogiar o comportamento do time nos primeiros 45 minutos. – G...

Valentim explica derrota para o Sport atrelando resultado às lesões dos jogadores


O Vasco perdeu por 2 a 1 para o Sport, na Ilha do Retiro, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. E, após o apito final em Recife, o técnico Alberto Valentim lamentou o resultado e o fato de só ter mexido na equipe por conta de necessidades médicas. Ainda no primeiro tempo, o Vasco perdeu Yago Pikachu, que foi retirado do jogo após um choque de cabeça – Ríos entrou em seu lugar. Na etapa final, Desábato e Bruno Ritter saíram para as entradas de Giovanni Augusto e Bruno Cosendey. – Hoje a gente queria continuar a sequência positiva. Não conseguimos jogar bem. Perdemos jogadores. Não consegui fazer nenhuma substituição por escolha minha. Tivemos três substituições por causa de lesões, depois Leandro (Desábato) e Bruno (Ritter) também – pontuou Valentim. Com 34 pontos, o V...

Henrique sai em defesa de Alberto Valentim: ‘Não acho que invente. A gente treina isso’


Criado na base do Vasco e ambientado há mais de 13 anos no clube, o lateral-esquerdo Henrique deu entrevista coletiva na última quarta-feira (10). O jogador terminou a partida como capitão da equipe, braçadeira cedida por Ramon, que saiu substituído no decorrer do jogo. “Foi a primeira vez como capitão. Ramon não é só meu amigo, mas uma pessoa que admiro bastante. Ele que escolheu me dar a braçadeira.” Elenco vascaíno aparenta estar ‘fechado’ com Valentim Contestado desde a sua primeira derrota diante do Santos, no Maracanã, por 3 a 0, o técnico Alberto Valentim vem sofrendo duras críticas por parte da imprensa e de seus torcedores, ainda mais por ousar colocar jogadores em posições que nunca haviam jogado durante a carreira, como o caso do lateral Fabrício de camis...

Amuleto não rende, e ‘teimosias’ de Valentim custam caro ao setor ofensivo do Vasco


Por Lucas Pedrosa e Matheus Reis  A vida de Alberto Valentim no Vasco não tem sido próspera. Após o empate em 1 a 1 com o Botafogo, o comandante somou nove jogos e apenas uma vitória à frente da equipe. No clássico, mais uma formação contestada pela torcida e, novamente, a aposta em seu amuleto Fabrício, que passou em branco. O fato é comum na passagem do lateral que vem atuando de meia no Cruz-Maltino, e mesmo assim o comandante segue confiando no atleta. “O Fabrício vem treinando bem. Ele não fez um bom jogo. Falta um gol, uma assistência. Ele até criou hoje, mas não deu certo. Mas eu conto muito com ele, porque é um jogador que tem nos ajudado e feito de tudo. A minha opção foi tática e técnica. Acho que o Giovanni vai melhorar fisicamente, conto muito com ele. Mas foi opção minha...