Vasco

‘Assunto superado’, define Alexandre Campello, sobre novela com Leandro Castan

Zagueiro recebeu sondagens do Corinthians, mas Vasco não vai abrir mão do atleta

Luvas milionárias: representantes de Peruzzi querem R$ 5,7 milhões, segundo site


Gino Peruzzi ficou mais distante do Vasco depois que representantes do lateral-direito sinalizaram a pedida de US$ 1,5 milhão, cerca de R$ 5,7 milhões, para fazerem a transferência do Boca Juniors para o clube da Colina. O Cruz-maltino, que apostava na vinda do jogador sem custos, já que seu contrato com os xeneizes vai até este mês, agora espera. Maxi López, amigo do jogador, pode interferir para tentar salvar o negócio, antes considerado possível de ser concretizado sem maiores obstáculos. O atacante já entrou em contato com Peruzzi outra vez, fazendo lobby pela transferência. Peruzzi está fora dos planos do Boca Juniors, tanto que sequer foi relacionado para a final da Libertadores, contra o River Plate, no último domingo, em Madri. Ele esteve na capital espanhola apenas para assistir a...

‘Não depende só de mim’, afirma Luiz Gustavo, sobre renovação com o Vasco


Tido como prioridade de renovação, o zagueiro Luiz Gustavo ainda está com seu futuro indefinido. O Vasco e o empresário do polivalente jogador não conseguem chegar a um denominador comum sobre valores, e o negócio, até o presente momento, está emperrado. De férias, o jogador acompanha de perto a situação e diz que quer ficar  em São Januário para a próxima temporada. “Minha vontade é continuar. Eu sempre deixei isso claro, mas não depende só de mim. Depende da diretoria também. Estou aguardando, esperando para ver o que vai acontecer”, declarou, ao UOL Esporte. O Vasco avalia que a pedida salarial de seu empresário para renovar o contrato foi acima do esperado. O clube fez uma contraproposta, que ainda não foi respondida pelo jogador. Na avaliação de Luiz Gustavo, ele demonstro...

Alexandre Faria garante que o elenco receberá reforços de qualidade em 2019


O Vasco terminou 2018 em apuros: escapou só na última rodada do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. Uma semana depois, já havia avisado a cinco jogadores que não contaria com eles em 2019 (Andrés Ríos, Fabrício, Lenon, Kelvin e Giovanni Augusto). O próximo ano, porém, será melhor. Essa, pelo menos, é a expectativa e o planejamento de Alexandre Faria, diretor-executivo do Cruz-Maltino. Em entrevista ao GloboEsporte.com, o dirigente explicou as ideias do Vasco para a próxima temporada. Garantiu que a torcida terá um elenco mais forte para torcer, principalmente depois das saídas que abriram vagas para contratações, e destacou a estrutura do clube. “Se estamos liberando esse tanto de jogador, pode ter certeza que virão jogadores para qualificar o grupo. A torcida pode ...

Proposta generosa do Libertad e conversa encaminhada: saída de Martín Silva fica próxima


O fim de uma era está próximo de acontecer no Vasco. O goleiro Martín Silva, no clube desde dezembro de 2013, está a alguns passos de deixar o Cruz-Maltino. De acordo com a apuração do Futebolzinho, o Libertad, do Paraguai, ofereceu “muito dinheiro” ao goleiro, que conversa com o time carioca para tentar a liberação e deixar o futebol brasileiro. A reportagem do Futebolzinho entrou em contato com o presidente do Vasco Alexandre Campello, que admitiu as conversas para que o goleiro, tido por boa parte da torcida como ídolo, deixe o clube. Porém, frisou que ainda não há nada concretizado. “As conversas em relação ao Martín estão encaminhando, mas não há nada certo no momento. Buscamos uma solução boa para ele e para o Vasco”, explicou o mandatário. DÍVIDA E CONTRATO L...

Campello descarta acordo para transferência de Castan e garante: ‘Não queremos a saída dele’


O zagueiro Leandro Castan é um dos jogadores que caiu nas graças da torcida em 2018. Após chegar da Roma-ITA como grande contratação, o defensor fez jus à expectativa e terminou a temporada como capitão do Vasco. Porém, o interesse de outros clubes e, principalmente, do Corinthians, ameaçam a permanência do atleta. Após um encontro sem acordo entre o Vasco e o pai e empresário do atleta, Marcelo Castan, as partes vão se reunir em janeiro novamente para buscar a permanência e a extensão do contrato do defensor, que vai até dezembro de 2019, conforme a reportagem do Futebolzinho apurou. Em contato exclusivo com o presidente Alexandre Campello, o mandatário revelou que o Cruz-Maltino não abre mão de Leandro Castan. “Já declaramos que não queremos a saída dele e que o jogador tem contrat...

Campello frustra o interesse do Corinthians e Castán cumpre contrato até o fim do ano


Uma reunião na tarde desta terça-feira (11) entre o presidente do Vasco, Alexandre Campello, e Marcelo Castan – pai de Leandro Castan e representante do zagueiro – ratificou a postura que o clube já indicava em relação ao interesse do Corinthians: o Cruzmaltino afirmou ao agente o interesse em exercer o contrato do atleta até dezembro de 2019 e ressaltou que só aceita abrir negócio caso a equipe que esteja disposta a contratá-lo apresente uma proposta. A multa rescisória do defensor é de pouco mais de R$ 20 milhões. Na conversa, o dirigente vascaíno salientou como um dos fatores que fazem o clube querer mantê-lo para a próxima temporada a identificação que a torcida teve com Castan e a importância que ele tem para o time enquanto capitão e líder. O Vasco se mostra tranquilo poi...

Desprestigiado no clube e com propostas do exterior, Martín Silva negocia sua saída


Reserva na reta final do Campeonato Brasileiro depois que Fernando Miguel foi efetivado na equipe titular, Martín Silva corre o risco de nem se reapresentar ao Vasco no dia 3 de janeiro. Diante dos últimos acontecimentos, o uruguaio se viu com o caminho livre para procurar outro clube, apesar de ainda ter contrato. Cerro Porteño e Libertad (seu ex-clube), do Paraguai, já fizeram propostas consideradas vantajosas, e seu empresário Régis Marques vai negociar a rescisão. A diretoria do Vasco alega que ainda não recebeu ofertas oficiais pelo atleta, mas vai analisar por todos os aspectos quando eles chegarem até a mesa do presidente Alexandre Campello. A ideia dos clubes paraguaios era que Martín entrasse na Justiça para deixar o Vasco, sem multa, por causa da dívida referente a direitos de im...

Campello esfria fervura e avisa que não tem interesse em negociar Leandro Castán


O presidente do Vasco Alexandre Campello acalmou a torcida do Vasco com relação a um suposto interesse do Corinthians na contratação do zagueiro Leandro Castán, capitão do time do técnico Alberto Valentim. Em entrevista ao repórter Wellington Campos, da Rádio Tupi, o presidente vascaíno lembrou que o zagueiro tem contrato com o Vasco até o final do ano, disse não ter sido procurado por nenhum clube interessado na aquisição de seus direitos econômicos e que o clube não tem o menor interesse em se desfazer do jogador. “Leandro Castán tem contrato com o Vasco e o nosso interesse é de que o atleta permaneça. Se algum outro clube quiser contratá-lo terá de pagar a multa rescisória. Até o momento ninguém procurou o clube. Quem responde pelo futebol sou eu e o Alexandre Faria”, declarou o p...

Empresário Manuel Barbosa avisa que Bruno César seguirá no Sporting


O empresário português Manuel Barbosa, representante do meia Bruno César, de 30 anos, ex jogador de Corinthians e Palmeiras, hoje no Sporting, disse ao jornal Record de Portugal, que o jogador não pensa em deixar o clube nesta temporada. Na quinta-feira (6), o jornal Lance! noticiou um suposto interesse do Vasco em Bruno César, mas, segundo o agente, o técnico holandês Marcel Keizer, treinador da equipe lusitana em substituição ao português José Peseiro, conta com o brasileiro para o restante da temporada. “O Keizer conta com o Bruno César e disse-lhe isso numa conversa que tiveram. Certo é que, depois dessa reunião, ele começou a ser utilizado”, contou Manuel Barbosa, que diz relatar a diferença entre o holandês e o português José Peseiro, que deixou Bruno César de fora da lis...

Vasco lembra que Castán tem contrato em vigor e que não tem interesse em liberá-lo


O Vasco confia na permanência do zagueiro Leandro Castán, que negocia uma possível transferência para o Corinthians. Em contato por telefone com o GloboEsporte.com, o diretor-executivo de futebol do Cruz-Maltino, Alexandre Faria, disse que o clube não está disposto a liberar o defensor de graça. Leandro Castán chegou ao Vasco no meio deste ano e tem contrato até o fim de 2019. Alexandre Faria relembrou a importância do zagueiro para a permanência da equipe na Série A do Campeonato Brasileiro – ele virou capitão na reta final. “O Leandro Castán é um cara sensacional, nosso capitão, apostamos nele e ele deu resultado. Teve problemas pessoais de saúde antes, na Europa, veio, correspondeu e é o nosso capitão. Ele tem contrato com o Vasco até o fim de 2019 e o Vasco não libera. Se p...