Share This Post

Fluminense / Vasco

Em clássico morno, Vasco joga o suficiente para vencer e respirar na luta contra rebaixamento

Em clássico morno, Vasco joga o suficiente para vencer e respirar na luta contra rebaixamento

Thiago Galhardo e Pikachu explodem de alegria e festejam com Maxi López. Foto: Marcelinho de Jesus

No clássico deste sábado, Vasco e Fluminense fizeram um jogo pra lá de morno. Ao contrário, quente estava a temperatura no Maracanã. Sem muitas inspirações de ambas as partes, o clube da Colina jogou só o suficiente para sair com um placar favorável. Na única oportunidade que teve durante toda a partida, matou o jogo. Ao contrário, Luciano não conseguiu decidir o jogo em duas oportunidades. A vitória por 1 a 0 faz o Vasco respirar na luta contra o rebaixamento, chegando a 38 pontos, na 12ª colocação. O Fluminense estaciona nos 40, em 10°, não conseguindo tranquilidade para pensar apenas na Sul-Americana.

O calor no Rio de Janeiro, combinado ao baixo público (14.275 presentes), pareceu ter tirado o ímpeto dos jogadores. Tanto que o primeiro tempo se resumiu a duas chances de Luciano: Na primeira, em uma falta central ao gol de Martin Silva, a bola explodiu no travessão após desviar na barreira. Na outra, o atacante ficou cara a cara com o goleiro vascaíno, que abafou o chute, tirando para a linha de fundo. Ao fim da etapa inicial, os torcedores vaiaram os fracos 45 minutos.





Luciano teve a principal chance do primeiro tempo, no entanto, parou em Martin Silva. (Foto: Lucas Merçon/FFC)

A segunda etapa, com a temperatura dando um pouco de trégua, foi mais animado. Ainda mais quando aos 13 minutos Thiago Galhardo, que entrou no lugar de Fabrício, tentou cruzar e o juiz marcou pênalti após a bola bater na mão do Paulo Ricardo. Com perfeição, Maxi López deslocou o goleiro, abrindo o placar da partida. O Maraca explodia pela primeira e única vez. Marcelo Oliveira até tentou ao colocar Everaldo em campo no lugar do Paulo Ricardo e trocar o esquema para o 4-3-3. No entanto, o Vasco se segurou, e respirou. Sem brilhantismo nenhum, Flu ainda teve Sornoza expulso após dar um tranco em Rildo, no apito final.

NÚMEROS DA PARTIDA FLU X VASCO:

  • Posse de bola: 61.2% x 38,8%
  • Finalizações certas: 5 x 3
  • Finalizações erradas: 16 x 5
  • Passes certos: 431 x 193
  • Passes errados: 37 x 28

Fonte: Footstats

O Vasco volta a campo no próximo domingo (11), diante do Grêmio, às 17h (de Brasília), em Porto Alegre, jogo válido pela 33° rodada do Campeonato Brasileiro. O Fluminense tem uma decisão no meio de semana contra o Atlético-PR, pelas semifinais da Sul-Americana. E também no domingo volta às atenções para o Brasileiro, contra o Sport, às 19h, no Maracanã.

Share This Post

Gabriel Lutterbach avatar
Jornalista em formação, 19 anos, mais carioca do que mineiro, mesmo sendo ao contrário na realidade. Setorista do Fluminense pelo Futebolzinho. Tudo que eu entendo do ser humano, devo ao futebol.

Leave a Reply