Share This Post

Vasco

Maxi Lopez participou de 72% dos pontos conquistados pelo Vasco desde que chegou

Maxi Lopez participou de 72% dos pontos conquistados pelo Vasco desde que chegou

O argentino Maxi Lopez, de 34 anos, foi o principal reforço do Vasco na temporada. O atacante estreou na metade do mês de agosto e desde que chegou ao elenco, já viu no comando do Gigante da Colina três técnicos diferentes. Em sua estréia, contra o Palmeiras no dia 12 de agosto, no Allianz Parque, o técnico ainda era Jorginho. Após a demissão do mesmo, o então auxiliar Valdir Bigode assumiu interinamente por três jogos, até que Alberto Valentim fosse efetivado ao cargo.

Mesmo com a fase conturbada que tem vivido o clube, lutando contra o rebaixamento pela quarta vez em menos de dez anos, o argentino não parece se intimidar com o momento. Além de ser uma referência para os companheiros pela experiência que viveu na Europa, o desempenho de Maxi é bastante empolgante. Desde que chegou, o Vasco disputou 17 jogos, sendo 15 com o argentino em campo. O campeão da Champions League com o Barcelona em 2006 marcou sete gols e deu três assistências.





Nesses 17 jogos, a equipe cruz-maltina balançou as redes 15 vezes, com a participação do argentino em 60 % dos gols. Ele já ajudou diretamente, com gols e assistências, na conquista de 13 dos 18 pontos conquistados desde a sua chegada.

CONFIRA O DETALHAMENTO:
Confronto Contribuição de Maxi Lopez
Vasco 1 x 1 Ceará assistência para Wagner
Vasco 3 x 1 Chapecoense Gol, assistência para Wagner e Thiago Galhardo
Parana 1 x 1 Vasco Gol
Botafogo 1 x 1 Vasco Gol
Vasco 2 x 0 Cruzeiro Gol e corta-luz para gol de Pikachu
Vasco 1 x 1 Internacional Gol
Fluminense 0 x 1 Vasco Gol

 

Apesar do bom desempenho na hora de balançar as redes, o argentino também preocupa pelos cartões amarelos. São oito desde que chegou. Ele já ficou de fora em duas partidas e está pendurado para o próximo jogo, contra o Grêmio. Faltando seis jogos para o fim da competição, não é interessante para o cruz-maltino que Maxi não possa atuar em algum desses.

A luta contra o rebaixamento

Apesar do momento complicado em que vive o Vasco, Maxi tem se mostrado uma peça importante não só no esquema tático de Alberto Valentim, mas também para seus companheiros. O argentino procura sempre passar tranquilidade para os colegas e para a torcida e não acredita no rebaixamento. Após a vitória contra o Fluminense, ele confirmou isso.

“Eu falei nessa semana que acreditava nesse time. Jogamos contra um time (o Fluminense) que está muito bem e ganhamos. Fico contente, mas é um trabalho de todo o time. Meu trabalho é finalizar, tratar de fazer os gols para conseguirmos os pontos. É uma responsabilidade linda, em um time grande, com uma grande torcida. Fico satisfeito de ajudar meus companheiros a terem uma semana tranquila.”

O próximo desafio do Vasco é enfrentar o Grêmio, pela 33ª rodada, no próximo domingo (11), na Arena do Grêmio às 17h (de Brasília). O time gaúcho, eliminado da Copa Libertadores, deve enfrentar o Cruz-Maltino com a equipe titular porque deixou a Libertadores após ser eliminado pelo River Plante.

Share This Post

Leave a Reply