Share This Post

Flamengo

Zico mostra preocupação com acordos políticos da nova administração rubro-negra

Zico mostra preocupação com acordos políticos da nova administração rubro-negra

Apoiou, mas vai cobrar. Zico não se privou de ligar o alerta para o futuro do Flamengo em participação nesta quarta-feira (26) no “Redação Sportv”. O ídolo, que foi garoto-propaganda da campanha de Rodolfo Landim, se mostrou preocupado com o que vem pela frente.

O Galinho lamentou a ausência de ex-jogadores históricos nos bastidores do clube, como aconteceu em outras épocas recentes, e apontou falta de identidade do elenco atual com o clube. Para Zico, a qualidade técnica não basta para ter sucesso no Flamengo:

– O time do Flamengo é bom. O plantel não é para ganhar campeonato. O Flamengo contratou muitos jogadores que não conhecem a história. É um time diferente. Por mais que seja bom, tem que conhecer o que a torcida necessita e quer. Às vezes, é gente boa, mas que não conhece o Flamengo.

Zico reforçou que apoiou Rodolfo Landim pelo bom relacionamento e gratidão que tem pelo futuro presidente e outros membros da chapa. Por outro lado, demonstrou desconforto com a formação final do grupo político.

A Chapa Roxa, encabeçada por Landim, venceu Ricardo Lomba nas eleições do último dia 8 de dezembro. E nomes que já fizeram parte do passado rubro-negro voltaram a fazer parte do cotidiano, como a ex-presidente Patrícia Amorim, com quem Zico trabalhou e foi demitido.

– Apoiei com todo direito de benemérito e sócio proprietário. Vou acertar, vou errar. Não quero que me cobrem. O que me preocupa é porque falam que houve acordo, que há nomes que podem voltar, esses compromissos. Gente que se aproveitou muito da história do Flamengo. Tomara que não!

Por fim, o maior jogador da história rubro-negra descartou qualquer tipo de participação na gestão:

– Não contem comigo. Acertei com o Kashima até dezembro de 2019.

FONTE: Redação Sportv / Globoesporte.com

Share This Post