Share This Post

Fluminense

CBF confirma jogo de domingo para o Maracanã e Abad pede trégua à torcida

CBF confirma jogo de domingo para o Maracanã e Abad pede trégua à torcida

O Fluminense entra na semana mais importante do ano até o momento. Nesta quarta-feira (29), às 21h4,5, o time encara o Atlético-PR,  valendo vaga na final da Copa Sul-Americana. E, no domingo (2), joga contra o América-MG, às 17h (de Brasília) no Maracanã valendo a permanência na Série A do Brasileiro. Tudo isso em meio à crise financeira e política e com a questão dos salários atrasados aos jogadores. A situação delicada fez o presidente Pedro Abad, que raramente dá coletivas, se pronunciar. Nesta terça-feira (28), o mandatário fez apelo aos torcedores pedindo união nos próximos cinco dias.

“Pedi a presença de todos porque queria mandar uma mensagem para o nosso torcedor. Sei que as coisas não estão fáceis. Não só o rendimento do time, como a gestão do clube. Tudo parece muito confuso. Mas estamos vivendo uma semana que é fundamental para o clube. E eu queria pedir ao torcedor que nesses cinco dias, se concentrem e mantenham o foco no clube. Jogadores, presidente, tudo isso passa. A instituição fica. Nós temos uma missão muito importante amanhã e domingo”.

“As críticas são sempre bem-vindas, ninguém se fecha a ouvir, mas estamos em uma cruzada que é fundamental. Queria pedir ao torcedor que nesses cinco dias esqueça tudo que for periférico, tudo que não for relacionado ao que vai acontecer dentro de campo, não só amanhã, como domingo. Vamos apoiar o time, vamos apoiar o clube, principalmente. O clube precisa do torcedor nesse momento. É importante a presença de todos – satisfeitos ou insatisfeitos.”

”É agora que temos que demonstrar que o torcedor é o maior patrimônio do clube. Não é o presidente, não é apenas o time dentro de campo, o clube inteiro precisa de você. Essa é a mensagem que quero mandar para o torcedor”

“Erros acontecem, estamos cientes de que isso ocorre. Mas agora é um momento em que o torcedor do Fluminense tem que se concentrar no que está acontecendo dentro de campo. Precisamos de vocês apoiando integralmente durante o jogo, não só na quarta como no domingo. Depois, aí sim, as críticas podem voltar com a maior tranquilidade, vamos ouvir todo mundo. Isso não é um problema. Essa é a mensagem que eu queria passar”

Na sequência do pronunciamento, Abad abriu para perguntas da imprensa. O presidente falou ainda sobre a delicada situação financeira do clube, que deve atualmente um mês de salário e quatro de direitos de imagem a seus jogadores, dinheiro da venda de João Pedro, crise política, etc.

DIFICULDADES FINANCEIRAS
– As dificuldades financeiras existem. O trabalho está sendo feito. Entendo que os resultados em campo geram insatisfação. Mas a diretoria trabalha fora de campo, os jogadores dentro e agora o torcedor está sendo convocado a trabalhar na arquibancada. A partir de domingo podemos voltar em todos esses assuntos que são totalmente pertinentes, vamos falar sobre isso. Agora o que peço encarecidamente ao nosso torcedor é que se apoie o time dentro de campo.

DIFICULDADES PARA PAGAR
– O prazo sempre é o mais rápido possível e estamos trabalhando para resolver. Se não resolve no dia, resolve no outro. Não podemos dizer uma data A, B ou C e depois acaba errando com os atletas e isso eu não vou fazer. O que é importante é que não é só o presidente que trabalha, várias pessoas trabalham para que isso aconteça. Só que a velocidade nossa nem sempre é a velocidade das pessoas com as quais estamos tratando e por isso gera esse atraso. Mas tenho confiança que isso vai se resolver muito rápido.

CRISE FINANCEIRA
– Vários problemas que aconteceram. Penhoras pesadas, questões trabalhistas. Não vendemos atletas esse ano. Infelizmente faz parte. Não tivemos essa venda. Isso impacta o caixa. Reforça o trabalho que a gestão vem fazendo de manter as obrigações cumpridas. Muito em breve estarão cumpridas.

CONVERSA COM OS JOGADORES
– Os jogadores estão se empenhando dentro de campo. É óbvio que essa questão financeira atrapalha, tira um pouco o foco, mas sempre houve entrega, os jogadores sempre deixaram tudo dentro de campo. Não temos do que reclamar. Conversamos com eles, o Paulo (Angioni) conversa, o Fabiano (Camargo) conversa. É uma situação que vamos passar.

MOMENTO POLÍTICO
– São vários problemas que aconteceram no ano. Tivemos penhoras pesadíssimas, outras questões trabalhistas. E esse ano ainda não vendemos atletas. É uma coisa anormal, uma coisa que infelizmente faz parte das receitas dos clubes no Brasil. E não tivemos essa venda. É natural que isso de alguma forma impactasse o caixa e na minha opinião isso reforça o trabalho que a gestão vem fazendo no sentido de manter ao máximo as obrigações cumpridas e temos certeza que muito em breve elas estarão em dia, mesmo sem a venda do Pedro ou de qualquer um. Estamos nos esforçando, tirando receita de onde não tem. Vários fatores. Não só a venda do atleta A ou B atrapalharam o planejamento financeiro do clube.

– São vários problemas que aconteceram no ano. Tivemos penhoras pesadíssimas, outras questões trabalhistas. E esse ano ainda não vendemos atletas. É uma coisa anormal, uma coisa que infelizmente faz parte das receitas dos clubes no Brasil. E não tivemos essa venda. É natural que isso de alguma forma impactasse o caixa e na minha opinião isso reforça o trabalho que a gestão vem fazendo no sentido de manter ao máximo as obrigações cumpridas e temos certeza que muito em breve elas estarão em dia, mesmo sem a venda do Pedro ou de qualquer um. Estamos nos esforçando, tirando receita de onde não tem. Vários fatores. Não só a venda do atleta A ou B atrapalharam o planejamento financeiro do clube.

DIFICULDADE DE LIBERAÇÃO DO DINHEIRO DA VENDA DE JOÃO PEDRO
– Questões documentais. É uma burocracia que fica atrasando. A gente controla até um certo ponto. Nosso jurídico e nosso financeiro são muito rápidos em responder e providenciar o que é pedido. Mas, infelizmente, nossa pressa muitas vezes não é a dos parceiros. Enfim, a solução está relativamente perto.

CBF CONFIRMA JOGO PARA O MARACANÃ
Com a antecipação de domingo (2) para sábado (1) dos jogos entre Flamengo x Atlético-PR e Atlético-MG x Botafogo, a CBF confirmou o jogo entre Fluminense x América-MG para o Maracanã, às 17h (de Brasília).
FONTE: Globoesporte.Com
Redação: Futebolzinho.Com

Share This Post

P