Share This Post

Copa Sul-Americana / Fluminense

Frazan, que não atua há cinco meses, recebe sua primeira chance com Fernando Diniz

Frazan, que não atua há cinco meses, recebe sua primeira chance com Fernando Diniz

O Fluminense faz na noite desta quina-feira (22), às 19h15 (de Brasília), o seu jogo de volta contra o Antofagasta,  no estádio Bicentenario Calvo y Bascuñán, em Antofagasta, no Chile. Na primeira partida disputada no Maracanã, houve empate sem gols. Desta vez, uma vitoria simples classifica qualquer um dos times. Como a Copa Sul-Americana possui critério do gol fora de casa, o empate com gols é suficiente para o time tricolor avançar de fase.

O técnico Fernando Diniz, apesar do otimismo, terá problemas para formar seus onze iniciais. E o setor defensivo é o mais preocupante. O zagueiro Digão só voltará aos gramados em maio, por causa de fratura na fíbula da perna esquerda; o jovem zagueiro Léo Santos disputou uma partida desta competição pelo Corinthians; e o zagueiro Nino, contratado junto ao Criciúma, nem inscrito foi.

A solução da comissão técnica foi pela entrada do zagueiro Frazan, 22 anos, revelado nas divisões de base do clube, que fez sua última partida nos 3 a 0 do Santos, no dia 27 de outubro, na Vila Belmiro, ainda sob o comando de Marcelo de Oliveira – ou seja, há cinco meses. Sob o comando de Diniz, o jogador ficou no banco de reservas no empate de estreia, no Estadual, em 1 a 1, com o Volta Redonda, no Maracanã, mas não chegou a ser utilizado.

O técnico também não poderá contar com a dupla Ganso e Allan, jogadores que não puderam ser inscritos no prazo e também estão de fora da partida. Daniel deve ser o responsável por organizar o meio campo, com Aírton e Bruno Silva na contenção e o trio ofensivo com Everaldo, Yony Gonçalves e Luciano.

ANTOFAGASTA

O time chileno, que não vence há quatro partidas, deve vir com força máxima. O técnico Gerardo Ameli não possui problemas de lesão ou de inscrição com seus jogadores, mas tem uma dúvida no ataque entre o venezuelano Eduardo Bello e o chileno Jason Flores.

Na tarde desta quarta-feira (21), após o treino de reconhecimento no estádio, Fernando Diniz falou sobre jogo:

Sobre o Antofagasta…

“É um time muito forte, tivemos muitos problemas no Brasil. É um time que tem boa estruturação tática, jogadores competitivos e um técnico que conhece bastante de futebol…”

Sobre o Bicentenario Calvo y Bascuñán…

“É um bom estádio, com boa estrutura e um campo que oferece condições para a prática do futebol…”

O que muda em relação ao primeiro jogo…

“É um enfrentamento diferente, pois esse define tudo. Então, a gente precisa fazer o nosso melhor jogo. O time deles é muito bem treinado, sabe o que fazer dentro do campo. O jogo será difícil…”

Sobre a possibilidade de a classificação ser decidia em cobranças de pênaltis… 

“A gente treinou pênaltis, o time está preparado. Mas espero que a gente possa resolver nos 90 minutos…”

Sobre a possibilidade de ser eliminado na primeira fase…

“É uma decepção, por sair na primeira fase da competição. Agora, a gente vai enfrentar um grande adversário. É forte, terminou em quarto no Chileno do ano passado e teve o ataque mais positivo. É claro que, se a gente ficar no caminho, será amargo. Algo que ninguém quer. A gente não pensa nisso, vamos pensar no jogo e fazer o melhor possível. Antes do jogo, não tem muito o que falar. Teremos de preparar o time para conseguir competir ao extremo e fazer o melhor.

 FICHA TÉCNICA:

ANTOFAGASTA-CHI x FLUMINENSE

Local: Estádio Bicentenario Calvo y Bascuñán, em Antofagasta (Chile)

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)

DEPORTES ANTOFAGASTA:  Hurtado, Fierro, Asta-Buruaga, Delfino e Peñaililo; Sandoval, Cristián Rojas e Collao; Felipe Flores, Figueroa e Jason Flores (Eduardo Bello). Técnico: Gerardo Ameli.

FLUMINENSE: Rodolfo, Gilberto, Matheus Ferraz, Frazan e Caio Henrique; Airton, Bruno Silva e Daniel; Luciano, Yony González e Everaldo. Técnico: Fernando Diniz.

Foto: Lucas Merçon/FFC

Share This Post