Campeonato Carioca

Campello diz que pressão da torcida influenciou na demissão do treinador

Presidente alega que a pressão começava a incomodar os jogadores, diz entender a paciência dos torcedores, mas lembra que o clube está em trabalho de reconstrução.

Valentim é demitido, e Marcos Valadares, técnico do sub 20, assume como interino

Ramon Menezes será o auxiliar na missão de reverter a desvantagem de dois gols do Santos no jogo de volta pela quarta fase da Copa do Brasil. Partida será às 19h30 de quarte-feira, em São Januário.

Abel lembra do filho, dos garotos do Ninho, e dedica “pedaço do título” a Zé Ricardo

Técnico cita episódio em que ex-treinador do Botafogo foi hostilizado por torcedores em aeroporto, diz que Vasco foi superior no jogo final e que seu time jogou com inteligência.

O maior campeão do Rio de Janeiro faz a festa e conquista o seu 35º título estadual

Vitória de 2 a 0 sobre o maior rival, gols de Willian Arão e Vitinho, fechou o Domingo de Páscoa dos rubro-negros. Conquista insofismável aumenta a vantagem do clube sobre os rivais no ranking dos campeões do Estado.

Flamengo e Vasco se enfrentam pelo título do Campeonato Carioca

Em momentos distintos, Flamengo e Vasco se enfrentam neste domingo (21), ás 16h (de Brasília), no Maracanã, pelo jogo de volta da final do Campeonato Carioca. O time rubro-negro venceu o primeiro confronto, com direito a dois gols do atacante Bruno Henrique, no estádio Nilton Santos. O Flamengo busca seu 35º título, e pra isso conta com o apoio de sua torcida, que vem empolgada pelos últimos resultados como a goleada de 6 a 1 sobre o San José na Libertadores, e a vitória sobre o próprio Vasco. Como venceu o primeiro jogo por 2 a 0, o Flamengo pode até perder para o Vasco por um gol de diferença que será o campeão carioca de 2019. O Cruz-Maltino vem de resultados adversos nas últimas partidas, onde saiu derrotado por Flamengo e Santos respectivamente. Para se sagrar campeão, o Vasco precisa...

‘Clássico dos milhões’ no Estádio Nilton Santos gera prejuízo para os rivais cariocas

A decisão do presidente do Vasco, Alexandre Campello, de mandar o primeiro jogo da final do Campeonato Carioca, contra o Flamengo, no Nilton Santos, trouxe prejuízo para os cofres dos rivais cariocas. O custo da partida ficou em torno de R$ 854.793,00, enquanto a renda de um público de 9.976 torcedores pagantes e 10.854 presentes resultou em R$ 521.920,00. Dessa forma, o prejuízo chegou perto de R$ 340.000. O déficit cruz-maltino será de R$ 166.436,50 e o do rubro-negro de R$ 172.636,50. O prejuízo do rubro-negro foi maior que o cruz-maltino, em função do clube da Gávea ter assumido os custos do doping, cerca de R$ 6.200. Vale lembrar que o pagamento deste serviço é opcional no Estadual do Rio de Janeiro. Campello decidiu mudar o estádio em que o jogo seria realizado em repressália à escol...

Predestinado, Bruno Henrique faz dois gols e põe rubro-negros com a mão na taça

Predestinado, Bruno Henrique marca duas vezes e põe os rubro-negros em vantagem na final do Estadual

‘Clássico dos Milhões’ volta a decidir o Campeonato Carioca, depois de cinco anos

De um lado, um clube com problemas financeiros e afastamento de jogador perto de uma final. Do outro, um elenco estrelado, com contratações mais caras da história do clube.

Flamengo e Bepe são contra postura do Vasco em troca de lado de torcida; Campello rebate

Tenente-Coronel do Bepe (Batalhão Especializado de Policiamento em Estádios) diz que mudança causa preocupação e explica como funciona escolta dos rubro-negros no Nilton Santos

Por falta de CNDs do Fluminense, contrato do Maracanã será assinado somente com o Flamengo

O Flamengo vota na noite desta quarta-feira, às 19h30, no Conselho Deliberativo, o contrato para assumir a gestão do Maracanã. Na prática, em parceria com o Fluminense. Formalmente, no entanto, o acordo será feito no nome do Flamengo, com o Tricolor como interveniente. A informação, do jornal “O Globo”, foi confirmada pelo GloboEsporte.com. Como o Fluminense não tem certidões negativas de débito (CND), o governo do Rio de Janeiro entrou em contato com o Flamengo para explicar que não poderia aceitar a proposta do Tricolor. O Flamengo aceitou assumir formalmente sozinho o acordo e fazer um contrato à parte de parceria com o Fluminense, uma vez que somente o Rubro-Negro tem autorização legal para assinar contratos com o governo. A proposta foi apresentada na semana passada de forma conjunta....

Galhardo é afastado, Valentim defende a diretoria, e jogadores se pronunciam

As vaias já fazem parte do cotidiano de Alberto Valentim no Vasco. O treinador não tem uma boa relação com a torcida e é críticado por suas escolhas. Ele se defende alegando fazê-las de acordo com o desempenho dos jogadores nos treinos. E que por isso optou por Yan Sasse assim que Rossi precisou sair por decisão médica. Logo após a substituição, os torcedores iniciaram um coro de “Fora, Valentim!” e outros xingamentos também foram proferidos ao comandante. O destino estaria ao lado de Alberto. Yan Sasse, aos 14 minutos do segundo tempo, cortou o defensor adversário e acertou a bola no ângulo, marcando seu segundo gol com a camisa do Vasco. “Estou fazendo tudo em prol do Vasco, o que vejo nos treinamentos. Quando falei para vocês que o treinador tem suas escolhas, quando f...

Vitória sobre o Bangu põe o clube em mais uma final do Estadual

Gol de Yan Sasse carimba a classificação para a decisão do Estadual em dois jogos contra o Flamengo

P