Copa do Brasil

Time encara o Juventude no Nílton Santos sob protesto por salários atrasados

Botafogo e Juventude se enfrentam agora à noite, às 21h30 (de Brasília), em jogo válido pela terceira fase da Copa do Brasil. A partida será a primeira do time alvinegro depois de quase duas semanas sem jogar, devido à precoce eliminação no Campeonato Carioca. Mesmo sem jogos, o clima nos bastidores do clube não é muito bom. O elenco decidiu não se concentrar para o jogo contra a equipe gaúcha, devido aos quase dois meses de salários atrasados. A decisão foi informada para a comissão técnica na noite da última quarta-feira (03), que definiu que os atletas chegassem no Estádio Nilton Santos às 18h para jantarem e participarem da preleção. A informação foi divulgada em primeira mão pelo twitter “Fogo na Rede”. BOTAFOGO – Técnico Zé Ricardo Depois do período de dez dias sem uma partida ...

Em jogo sem emoção, equipes não saíram do 0 a 0 no jogo da ida

Jogando fora de casa, em Lucas do Rio (MT), pela terceira fase da Copa do Brasil, Fluminense empatou com o Luverdense em partida pouca criativa das equipes, marcado por faltas e poucas chances de gol durante o decorrer dos noventa minutos.    

Leandro Castan, o capitão, evitar apontar culpados: ‘No vestiário, a gente conversa’

A faixa de capitão não serve apenas para ser um acessório. Leandro Castan, zagueiro e capitão do Vasco, mostrou o valor da braçadeira ao sair em defesa do técnico Alberto Valentim, vaiado, criticado e xingado pela torcida após a vitória por 3 a 2 contra o Avaí, em São Januário, pela Copa do Brasil. O Vasco ganhava por 3 a 1, levando uma vantagem de dois gols para a partida de volta na Ressacada. Após a substituição de Andrey por Thiago Galhardo – por pedido do próprio jogador, alegando desgaste físico -, o técnico Alberto Valentim foi prontamente vaiado pelos adeptos do clube. A partida terminou 3 a 2 e o último gol do Avaí aconteceu em uma falha do sistema defensivo vascaíno. Lucas Mineiro não chegou a tempo de dar o combate e André Moritz diminuiu a vantagem. Perguntado ainda no gr...

Alberto Valentim sai hostilizado e tenta se explicar: ‘Preciso trabalhar com a razão’

A vitória por 3 a 2 sobre o Avaí, nesta quinta-feira (14), em São Januário, deu ao Vasco a vantagem mínima no confronto da terceira fase da Copa do Brasil. Mesmo com a vantagem, o técnico Alberto Valentim foi extremamente vaiado pela torcida presente no estádio. O Vasco vencia por 3 a 1 quando Alberto optou por substituir Thiago Galhardo – que alegava cansaço físico -, para colocar Andrey. Em seguida, o sistema defensivo não acertou a marcação e o Avaí diminui a vantagem da partida. O treinador Alberto Valentim elogiou a torcida, que apoiou mesmo após o gol sofrido aos onze minutos da primeira etapa, e o ambiente de São Januário, ingredientes para a virada vascaína. Alberto citou, também, o pedido dos adeptos ao Lucas Santos, joia do clube, mas explicou sua decisão: – Primeiro,...

Feito sobre o Avaí, em jogo eletrizante, tem aplausos e vaias para um time invicto

Time saiu perdendo, virou o jogo, abriu 3 a 1, mas permitiu um gol e agora joga por um empate no jogo de volta, no Estádio da Ressacada, em Santa Catarina, no dia 10 de abril.

Valentim deve repetir a escalação para enfrentar o Avaí em casa pela Copa do Brasil

O Vasco entra em campo nesta quinta-feira (14), às 21:30h (de Brasília), em São Januário, para enfrentar o Avaí pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O técnico Alberto Valentim deve repetir a escalação feita no último sábado, no clássico com o Flamengo no Maracanã, jogo que que quase custou a invencibilidade da equipe – Maxi López empatou, de pênalti, aos 50 minutos. Desta forma, é provável que o meia Bruno César e o atacante Rossi comecem no banco. Provável escalação: Fernando Miguel, Cáceres, Werley, Castan e Danilo; Raul, Lucas Mineiro e Thiago Galhardo; Pikachu, Maxi López e Marrony. RETROSPECTO A última vez que Vasco e Avaí se enfrentaram foi pelo Campeonato Brasileiro, em 2017. A partida também aconteceu em São Januário e na ocasião, Yago Pikachu foi o responsáve...

Fluminense decide no Rio. Vasco e Botafogo fazem o ‘jogo da volta’ fora de casa

Partidas da terceira fase começam a ser disputadas nos dias 13 e 14, com rodada de volta em 3, 9, 10 e 11 de abril. A premiação para o clube que chegar à quarta fase é de R$ 1,9 milhão.

Ganso celebra primeiro gol com a camisa tricolor e relembra gol de barriga: ‘Decidiu título pra gente’

Meia comemora primeiro gol e classificação para a terceira fase da Copa do Brasil.

Diniz elogia atuação de Ganso e reforça interesse em Nenê: ‘Precisamos de elenco’

Técnico celebra o fato de o time não ter corrido riscos nos 3 a 0 sobre o Ypiranga, resultado que garantiu vaga na terceira fase da Copa do Brasil

Em jogo único, clube encara Ypiranga-RS buscando reencontrar o caminho da vitória

Fluminense receberá a equipe de Erechim no Maracanã para tentar voltar a vencer na temporada

Em noite inspirada de Erik e Pimpão, time goleia, fatura a vaga e R$ 1,45 milhão

A vitória mantém a sequência do alvinegro que já chega à seis jogos de invencibilidade. Na terceira fase, o clube enfrentará o vencedor de Juventude x América-MG, que se enfrentam nesta quinta-feira (28), no Sul.

Time tem novidade entre os titulares e Cícero é relacionado para o jogo contra Cuiabá

O Botafogo enfrenta o Cuiabá (MT), na noite da próxima quarta-feira (27), no Estádio Nilton Santos, em jogo válido pela segunda fase da Copa do Brasil. Como nesta etapa não há mais a vantagem do empate para o visitante, ambos jogam por vitória simples para segui adiante. Em caso de empate, a decisão será na disputa de pênaltis. Mais confiante no bom desempenho do time, o técnico Zé Ricardo falou sobre a equipe adversária, analisando o histórico do Cuiabá nas últimas temporadas e enfatizando seus pontos fortes. “Vem fazendo boas temporadas, conquistou a vaga para a Série B no ano passado. Tem um treinador, Itamar, que respeito bastante. Tem uma forma de jogar bastante fortalecida, e a performance deles no estadual demonstra que será uma equipe difícil de ser batida. Sistema defensivo ...