Alexandre Campello

Bota 1 x 0 Vasco: nem tudo Luxemburgo pode resolver

Tiago Reis teve a melhor chance do Vasco na partida, mas a bola caprichosamente parou na trave (foto: www.vasco.com.br) Na sua entrevista coletiva após a derrota por 1 a 0 para o Botafogo, Vanderlei Luxemburgo disse que é preciso analisar o contexto do jogo para falar sobre a atuação do Vasco. E nem dá pra discordar do treinador vascaíno quando ele diz que seu time evoluiu e que a derrota aconteceu numa falha de marcação. Como eu havia dito no post anterior, Luxa realmente reconheceu que é o momento de fechar a casinha: “a gente tem que saber que o melhor para o Vasco é ter consistência no meio. Eu gosto de um time jogando mais em cima do adversário, mas pelo momento é assim”. De fato, o time sofreu menos que o habitual, e as poucas finalizações do Botafogo provam isso. Mas a melhora defen...

Luxemburgo, de volta para o futuro…

Técnico acerta com o clube que lhe abriu as portas para a nova função e corre atrás do recomeço

Sidão estreia fora da Colina, mesmo com mando de campo do Vasco

Sidão fará sua estreia pelo Vasco contra o Corinthians, em Manaus (foto: reprodução da TV) Não sei se Alexandre Campello esperava começar o Brasileirão vendo o Vasco perder as duas primeiras rodadas da competição. Porque se ele chegou pelo menos a cogitar essa possibilidade, não teria pensado em vender o mando de campo na partida de hoje contra o Corinthians. E se mesmo tendo aventado a possibilidade das duas derrotas seguidas ainda assim se decidiria a levar o jogo para Manaus, é um sinal – aliás, mais um entre tantos sinais – de que o presidente do Vasco não leva em consideração o que pensam os torcedores do clube. Isso porque, no atual momento do time, para abrir mão do apoio dos vascaínos na Colina e ignorar as vantagens de jogar em um campo conhecido, a grana tem que ter sido muito fo...

Eurico, herói/vilão do Vasco

Quem vive a história, dificilmente tem o distanciamento necessário para analisá-la com isenção. Sejam os com mais idade, que se acostumaram com o VP de futebol mais vitorioso do Vasco, sejam os mais novos, que só puderam acompanhá-lo nas desastrosas gestões como presidente do Clube, não importa. O fato é que Eurico Ângelo de Oliveira Miranda, é um dos personagens mais importantes da história vascaína. Não se trata de “passar o pano” por conta do seu falecimento. Vilão ou herói, não se pode negar a imensa influência do “Dotô” Eurico por décadas e décadas, e não apenas no Vasco, mas no futebol carioca e nacional. Sua morte não muda em nada seus feitos, nem os proveitosos, nem os negativos. A balança, obviamente, penderá mais favoravelmente para os vascaínos; já para os amantes do futebol de ...

Corpo de Eurico Miranda é velado na Capela de N.S. das Vitórias, em São Januário

Ex-presidente do clube morreu no inicio da tarde desta terça-feira (12), aos 74 anos, num hospital na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, em decorrências de um câncer no cérebro. O corpo será enterrado nesta quarta-feira (13).

Vasco lembra que Castán tem contrato em vigor e que não tem interesse em liberá-lo

O Vasco confia na permanência do zagueiro Leandro Castán, que negocia uma possível transferência para o Corinthians. Em contato por telefone com o GloboEsporte.com, o diretor-executivo de futebol do Cruz-Maltino, Alexandre Faria, disse que o clube não está disposto a liberar o defensor de graça. Leandro Castán chegou ao Vasco no meio deste ano e tem contrato até o fim de 2019. Alexandre Faria relembrou a importância do zagueiro para a permanência da equipe na Série A do Campeonato Brasileiro – ele virou capitão na reta final. “O Leandro Castán é um cara sensacional, nosso capitão, apostamos nele e ele deu resultado. Teve problemas pessoais de saúde antes, na Europa, veio, correspondeu e é o nosso capitão. Ele tem contrato com o Vasco até o fim de 2019 e o Vasco não libera. Se p...

É possível ainda dar algum crédito ao Campello?

Alexandre Campello concedeu uma entrevista ao programa Jogo Sagrado, da emissora Fox Sports. Como não poderia deixar de ser, o futebol não foi o único tema da entrevista. E quando a política virou o foco da conversa, Julio Brant pediu algo como um aparte, via ligação telefônica. Não dava para esperar um debate em alto nível entre dois rivais políticos no Vasco, ainda mais da maneira que a rivalidade foi construída. Entre trocas de farpas, acusações e ofensas literais (“mentiroso” de um lado e “traidor” do outro), ficou evidente para todos os telespectadores o constrangedor momento político que a instituição atravessa. Entre os vários pontos discutidos, uma pergunta do Brant merece algum destaque. É sobre a posição do presidente do clube sobre o famigerado HD que teriam provas de fraude nas...

Campello descarta ‘bicho’ para evitar queda: ‘O Vasco não pode premiar permanência’

A cinco rodadas do fim do Campeonato Brasileiro, o Vasco, com 38 pontos, ainda precisa pontuar para afastar de vez o fantasma do rebaixamento. Se isso não acontecer, será a quarta queda do clube para a segunda divisão em dez anos. No entanto, o presidente cruz-maltino, Alexandre Campello, acredita que a permanência na Série A é obrigação. Em uma entrevista exclusiva ao portal Globo Esporte, o presidente falou sobre o tema ao ser questionado sobre uma possível gratificação – mais conhecido como ‘bicho’ na linguagem do futebol – aos jogadores por se manterem na primeira divisão. Segundo Campello, o feito não deve ser comemorado, mas em determinado jogo ou situação, a premiação não está descartada. “Permanência é obrigação. O Vasco não pode premiar permanência. Podemos...

Alexandre Campello garante permanência de Valentim: ‘Vamos juntos até o final’

O Vasco acabou empatando com o Internacional em 1 a 1, em São Januário, e a pressão em cima do treinador Alberto Valentim ficou ainda maior. Com 12 jogos e apenas duas vitórias, somando 11 pontos em 36 possíveis, alguns membros da diretoria também já fazem pressão para o treinador deixar o cargo. Porém, faltando sete jogos para o fim do Brasileiro, o presidente Alexandre Campello, em contato com o Futebolzinho.com, garantiu a permanência. No momento, o Vasco ocupa a 13ª colocação do Campeonato Brasileiro, com 35 pontos, a dois do primeiro colocado do Z4, que é o Vitória. O próximo adversário do Cruz-Maltino será o Fluminense, no clássico que acontece no Maracanã, sábado (03), às 17h (de Brasília), pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.  

Vasco retoma negociação por empréstimo e corre para quitar salários e acordos

A asfixia financeira do Vasco tem boa chance de terminar na próxima semana. A diretoria avançou na negociação para obter novamente as garantias do empréstimo de R$ 31 milhões e aguarda resposta positiva na segunda-feira 15). Com isso, conseguiria receber o dinheiro nos dias seguintes. A prioridade é colocar os salários em dia e pagar acordos judiciais e extrajudiciais. O elenco profissional está com dois meses atrasados pela Justiça – embora, em acordo do Vasco com os jogadores, outubro só vença no dia 20. Apenas funcionários que recebem menos de R$ 4 mil estão com os vencimentos em dia. As garantias do empréstimo são provenientes da cota de direitos de transmissão. O Vasco perdeu o aval depois que uma liminar anulou a eleição do clube e marcou novo pleito para dezembro. Entretanto, ...

Valentim: trabalho, e não falatório, é o que salvará o Vasco

Como ainda estou com muito pouco tempo disponível, assuntos até mais relevantes para o Vasco acabaram passando batidos por esse humilde bloguinho (como a anulação da eleições pra presidente e o recurso que o clube – vulgo, administração Campello – pediu na justiça). Mas essa última foi tão revoltante que não dá pra deixar em branco. Então o Sr. Alberto Valentim, o técnico-galã, o treinador vascaíno com o pior aproveitamento na década, soltou a seguinte pérola após o indesculpável empate com o Paraná Clube: “Quero fazer apelo para os vascaínos estarem do nosso lado. Vejo a oposição procurando tumultuar. Se somos vascaínos, temos que estar juntos agora. Vamos unir forças: nosso torcedor, diretoria. O presidente está se virando para deixar o Vasco cada dia melhor“. Não sei o que s...

Campello, Crivella e Isquierdo visitam Barreira do Vasco e prometem melhorias

Na manhã do dia em que o Vasco enfrenta o Bahia, às 20h (de Brasília), em São Januário, o presidente Alexandre Campello, o prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella e o vereador Alexandre Isquierdo visitaram a Barreira do Vasco e também caminharam no entorno de São Januário. A ideia do trio é revitalizar a área, não só visando a melhora da comunidade, mas também dar uma nova cara às ruas que cercam a Colina Histórica. A reportagem do Futebolzinho conversou com o vereador Alexandre Isquierdo, que explicou a visita à comunidade e adiantou que as melhorias na Barreira do Vasco e no entorno de São Januário estão previstas para começar nesta semana. “De início, fomos à comunidade na Barreira do Vasco. O prefeito estava presente e identificamos algumas demandas que serão realizadas de pr...

  • 1
  • 2
P