Chapecoense

Sem Luciano, Fluminense enfrenta a Chape com novo “Casal Sub-20” em Chapecó

Ficar longe da zona de rebaixamento antes da parada da Copa América é um dos objetivos do Fluminense. Para concluir esse feito, o tricolor enfrenta a Chapecoense nesta quinta- feria (13), a partir das 20h, na Arena Condá, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo sem o artilheiro do time na temporada, Diniz deve colocar João Pedro e Marcos Paulo pela primeira vez de titulares. Com o mesmo número de pontos do primeiro time na zona de rebaixamento, que por coincidência é a Chapecoense, o Fluminense precisa de uma vitória para se descarregar do Z4 e respirar no campeonato. Novamente, a equipe sofrerá mudanças, com novidades e o principal jogador do ano pedindo para não jogar. Luciano, como já divulgado durante a semana, pediu para não atuar nesta rodada, pois estaria analisando propost...

Mistão rubro-negro vence e sobe na tabela

Gol de Vitinho logo no início do confronto matinal facilita o caminho para a vitória sem sobressaltos

Atuação não enche os olhos, mas Abel vê pontos positivos e defende Diego

Técnico confessa que o meia não treinou cobranças de pênaltis, mas elogia a personalidade do capitão e se mostra feliz com o bom desempenho individual de Berrío.

Mais de 50 partidas do Campeonato Brasileiro não terão transmissão pela TV

Palmeiras e Athletico-PR não entraram em acordo até o momento com o Grupo Globo pelos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro deste ano. Por isso, 52 partidas da competição nacional não terão transmissão em nenhum canal. Os dois clubes não acertaram compromisso com TV Aberta (Globo) e pay-per-view (Premiere), somente com a TV fechada (Turner). Na temporada 2019, o torneio terá a estreia do Esporte Interativo na transmissão, o que dividirá os times e deixará a maior parte das partidas sem nenhuma emissora. Ambos os clubes mantém a posição de não comentar as negociações em andamento e parecem não ter pressa em definir sua situação. Tanto o Palmeiras quanto o Athletico-PR fecharam com o Esporte Interativo em detrimento do SporTV e agora precisariam aceitar a proposta da Globo para TV...

Chapecoense rejeita incluir Lucas Mineiro em negociação por Rildo

Atacante vascaíno, insatisfeito no clube, negocia saída para o futebol catarinense

Chapecoense encaminha empréstimos de atacante do Flamengo e de meia do Botafogo

A Chapecoense encaminhou a contratação do meia Marcos Vinicius, do Botafogo, e do atacante Thiago Santos, do Flamengo, para a sequência da temporada. Ambos devem desembarcar em Chapecó no decorrer da semana e assinar contrato de empréstimo até o final da temporada. O acordo entre Chapecoense e atletas já foi selado, restam ainda alguns ajustes no termo de empréstimo, que inclui, por exemplo, a inclusão ou não de uma taxa de vitrine. Essa parte é diretamente entre os clubes, mas não são encarados como empecilho pelo Verdão do Oeste, que acredita em um desfecho positivo. Thiago Santos O atacante de 23 anos é formado nas categorias de base do Flamengo. Neste ano, fez duas partidas pelo time profissional no Campeonato Carioca, mas não marcou gol. No ano passado, o atleta defendeu o Mumbai City...

Campeão brasileiro de 89, Luis Carlos vibra com acerto do sobrinho Cláudio Winck

Luís Carlos Winck, lateral-direito campeão brasileiro pelo Vasco em 1989, hoje treinador do Juventude, viveu um mês natalino de dupla emoção. Primeiro, foi escolhido por jornalistas presentes ao “Bom Dia, ESPN” da quarta-feira, dia 12, o melhor jogador da posição na história do clube cruz-maltino. Nove dias depois, na sexta-feira, dia 21, Winck foi surpreendido com a notícia de que o sobrinho Cláudio, de 24 anos, jogador do Internacional-RS que disputara o Brasileiro pelo Sport, havia acertado sua transferência para o clube carioca. “Não sabia do acerto, apenas do interesse do Vasco e dele. Fico feliz e desejo sucesso. O Vasco representa muito para mim. Espero que ele tenha a mesma trajetória de sucesso que eu tive. O torcedor vascaíno pode esperar muito trabalho, dedicaç...

Estrela brilha em Chapecó e Botafogo põe fim na agonia contra o rebaixamento

A vitória do Botafogo sobre a Chapecoense por 1 a 0, nesta quinta-feira (15), na Arena Condá, traçou rumos diferentes para os dois adversários na reta final do Brasileiro. O clube carioca praticamente pôs fim à ameaça do rebaixamento graças ao gol de Luiz Fernando, aos 27 minutos do segundo tempo. O catarinense, ainda no Z-4, deixou claro para sua torcida que as quatro últimas rodadas serão de sofrimento. A vitória do Botafogo ficou marcada por um jogo de baixo nível técnico na Arena Condá. O time de Zé Ricardo foi melhor diante de um adversário que praticamente não incomodou seu goleiro. Mas teve dificuldades para criar chances de gol. A melhor delas, no primeiro tempo, resultou num gol de Luiz Fernando, anulado pela arbitragem. O panorama seguiu o mesmo no segundo tempo. A Chape inoperan...

P