Pré temporada

Há 13 anos, clube não mantém treinador da pré-temporada até o fim do ano

Renato Gaúcho foi o último a conseguir a façanha, e terminou o Campeonato Brasileiro na sexta colocação.

Cauteloso, Valentim confirma que Maxi Lopez e Bruno César não enfrentam o Madureira

O Vasco terminou a pré temporada de dez dias em Atibaia-SP na última quarta-feira (16) e fará sua estreia no Estadual, pela Taça Guanabara, neste sábado (19), contra o Madureira, às 16:50h, em Conselheiro Galvão. Embora o tempo de preparação tenha sido curto, o técnico Alberto Valentim não deixou de valorizar o trabalho feito por toda a equipe. No entanto, ainda que o cruz-maltino conte com todos os seus oito reforços regularizados para a estreia, Valentim confirmou que o time não irá com força máxima, prezando pelo condicionamento físico dos atletas ao longo do ano. “A pré-temporada foi muito boa, mesmo ela sendo curta, com menos sessões de treino e menos períodos de trabalho. Foi muito satisfatório. Todos deram o máximo. Não tivemos nenhuma perda física, onde tivemos muita atenção. Algun...

Valentim fala sobre pré-temporada e perfil dos novos reforços

(Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco) O elenco profissional do Vasco se reapresentou na última quinta-feira (3) para os primeiros dias de trabalho no CT do Almirante, em Vargem Pequena. Nesta segunda-feira (7), o elenco comandado pelo técnico Alberto Valentim embarca para Atibaia, onde ficará em pré-temporada até o dia 17. O comandante vascaíno falou sobre a importância de trabalho nestes primeiros dias do ano e porque optou pela cidade paulista para a preparação. “A diretoria está fazendo um esforço enorme para melhorar o nosso CT. Algumas melhorias estão acontecendo aqui. Uma pré-temporada fora é importante por motivos de ficarmos juntos, nos conhecermos mais, termos um controle maior no descanso, na alimentação dos jogadores, fora que Atibaia nos dá uma qualidade muito grande. Tive...

Campello descarta ‘bicho’ para evitar queda: ‘O Vasco não pode premiar permanência’

A cinco rodadas do fim do Campeonato Brasileiro, o Vasco, com 38 pontos, ainda precisa pontuar para afastar de vez o fantasma do rebaixamento. Se isso não acontecer, será a quarta queda do clube para a segunda divisão em dez anos. No entanto, o presidente cruz-maltino, Alexandre Campello, acredita que a permanência na Série A é obrigação. Em uma entrevista exclusiva ao portal Globo Esporte, o presidente falou sobre o tema ao ser questionado sobre uma possível gratificação – mais conhecido como ‘bicho’ na linguagem do futebol – aos jogadores por se manterem na primeira divisão. Segundo Campello, o feito não deve ser comemorado, mas em determinado jogo ou situação, a premiação não está descartada. “Permanência é obrigação. O Vasco não pode premiar permanência. Podemos...

P