Vanderlei Luxemburgo

Vasco e Grêmio: qual time aproveitou melhor o tempo?

O Grêmio é o adversário contra o qual o Profexô precisará mostrar os efeitos do seu trabalho na pausa para a Copa América (foto: www.vasco.com) A volta do Brasileiro deve trazer a muitos vascaínos um tipo de sentimento contraditório. Será bom matar as saudades de ver o time em campo. Mas vê-lo jogar, pelo menos nos últimos anos, tem sido na maioria das vezes 90 minutos de aflição. E essa mistura de alegria e preocupação são quase uma certeza diante do adversário que teremos depois de um mês sem uma partida oficial. Isso porque, definitivamente, encarar o Grêmio fora de casa não é a reestreia dos sonhos de nenhum time. Pelo lado positivo, já que teremos um restante de campeonato complicado, é bom que tenhamos logo de cara um desafio que realmente teste a equipe do Luxemburgo. Ainda que o Ch...

Breno volta a treinar com elenco após onze meses

Zagueiro treina normalmente com demais companheiros pela primeira vez desde o início de agosto do ano passado. Está recuperado de lesão no joelho

Otimismo permitido para a torcida do Vasco

Otimismo, mas não apenas pelas vitórias: 3 a 1 sobre o Foz do Iguaçu é o menor dos motivos para a torcida ter mais fé no Vasco no restante da temporada (foto: www.vasco.com.br) A Copa América termina hoje e o Brasileirão volta à normalidade no próximo fim de semana. E a pausa para a competição sul-americana acabou sendo boa para o Vasco, dando até motivos para a torcida alimentar algum otimismo. Não digo isso pelas vitórias nos três amistosos, que no fim das contas foram contra adversários que nem de longe podem oferecer as dificuldades que teremos no Brasileiro (a lembrar, 2 a 0 sobre o Rio Branco-ES, 1 a 0 sobre o Atlético Goianiense e, ontem, 3 a 1 sobre o Foz do Iguaçu-PR). Essas partidas não podem ser consideradas algo além de treinos de luxo, muito mais úteis para o treinador fazer o...

Vasco buscará manter o embalo contra o Ceará

Com a vitória sobre o Internacional na última rodada, o Cruz-Maltino precisará de novo resultado positivo para sair da zona e ter tranquilidade no recesso da Copa América

Bota 1 x 0 Vasco: nem tudo Luxemburgo pode resolver

Tiago Reis teve a melhor chance do Vasco na partida, mas a bola caprichosamente parou na trave (foto: www.vasco.com.br) Na sua entrevista coletiva após a derrota por 1 a 0 para o Botafogo, Vanderlei Luxemburgo disse que é preciso analisar o contexto do jogo para falar sobre a atuação do Vasco. E nem dá pra discordar do treinador vascaíno quando ele diz que seu time evoluiu e que a derrota aconteceu numa falha de marcação. Como eu havia dito no post anterior, Luxa realmente reconheceu que é o momento de fechar a casinha: “a gente tem que saber que o melhor para o Vasco é ter consistência no meio. Eu gosto de um time jogando mais em cima do adversário, mas pelo momento é assim”. De fato, o time sofreu menos que o habitual, e as poucas finalizações do Botafogo provam isso. Mas a melhora defen...

Vasco tem clássico contra o Botafogo para mostrar serviço

Sem marcar gols há uma eternidade, Marrony terá mais uma chance como centroavante contra o Botafogo (foto: www.vasco.com.br) A vida do vascaíno tem sido muito difícil. Olhar nossa posição na tabela, ver os últimos resultados do time e até a provável escalação para o clássico contra o Botafogo é garantir momentos de angústia a qualquer torcedor. O Vasco do Luxemburgo está invicto a dois jogos, mas até focar nesse lado, digamos, “positivo“, complica, já que empatar com o Avaí (em casa) e com o Fortaleza não chega a ser algo que nos passe qualquer confiança. E saber que já estamos numa situação em que mesmo vencendo o Alvinegro hoje não nos tirará do Z4 é desesperador. Mas para o Vasco não resta muito além de transformar esse desespero em motivação. Se quisermos chegar à parada para a Copa Am...

Vasco empata mais uma e mostra estar distante de ser competitivo

Pikachu cobra o penal e marca seu quinto gol no ano. Mas mais uma vez, sair na frente no placar não foi o bastante para o Vasco vencer (foto: www.vasco.com.br). Com uma semana a mais de trabalho, Luxemburgo conseguiu trazer alguma melhora para o time do Vasco (o que seria impossível não acontecer levando em consideração a atuação contra o Avaí). Não que tenhamos visto uma partida primorosa no empate em 1 a 1 com o Fortaleza, claro. De um modo geral, o jogo foi bem fraco tecnicamente, tanto de um lado como do outro. Mas ficou evidente que o profexô conseguiu dar alguma consistência defensiva à sua equipe, diminuindo os espaços entre os setores e aprimorando a recomposição defensiva. Por outro lado, também ficou claro que falta muito trabalho a ser feito, tanto da parte do Luxa, quanto dos j...

Luxemburgo elogia atuação da equipe e fala em evolução

O técnico Vanderlei Luxemburgo elogiou a atuação do time carioca ter cedido o empate por 1 a 1 ao Fortaleza no final da partida neste domingo (26). Na coletiva depois do término da partida, o treinador destacou a evolução do time e declarou que a realidade da equipe é a disputa para permanecer na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. “A disputa do Vasco tem que ser bem clara para o torcedor: não é para ganhar campeonato ou vaga na Libertadores. É reconquistar a credibilidade e o respeito dos adversários. É essa a nossa busca. Não vamos ganhar o campeonato. Vaga de Libertadores, sei lá, mas a nossa realidade é um trabalho duro, árduo, difícil. Vamos ter uma parada para a Copa América. O Vasco tem que se unir para sair dessa coisa. Manter-se na primeira divisão para no ano que vem traze...

Terá Luxemburgo aproveitado sua segunda semana de trabalho?

Luxemburgo conversa com Valdívia e Luiz Gustavo. O profexô pode escalar o primeiro no comando do ataque contra o Fortaleza (foto: www.vasco.com.br) Não se pode dizer que Vanderlei Luxemburgo estreou sua trajetória no Vasco de maneira animadora. Não apenas pelo empate com o Avaí em pleno São Januário, mas pelo futebol apresentado pela sua equipe, que conseguiu ser ainda pior que nos jogos anteriores. O nível de atuação do time é mais preocupante do que perder, em casa, dois pontos para um dos favoritos ao rebaixamento, porque o profexô teve uma semana para treinar e observar seus jogadores e isso não parece ter adiantado de nada. Ele manteve o esquema que vinha dos técnicos anteriores e na hora de trocar peças do elenco, escolheu mal em quase todos os casos. Aí, mesmo sem ter sido confirmad...

Afastado da partida de domingo, contra o Fortaleza, Maxi López pede para sair

Atacante argentino pede a rescisão amigável e presidente Alexandre Campello aceita o distrato. Jogador está com dois meses de atraso nos salários.

Danilo Barcelos lembra maratona de jogos e critica a falta de revezamento

Lateral lembra a sequência de nove dias em 30 dias e fala em "absurdo" o número de jogos realizados no futebol brasileiro sem a devida rodagem no elenco

Vasco, mal dentro e fora de campo, apenas empata com o Avaí

Ricardo Graça comemora seu gol, que não foi o bastante para o Vasco vencer a primeira no Brasileiro (foto: www.vasco.com.br) Entra treinador, sai treinador, troca-se jogadores e o Vasco só faz piorar. O empate em 1 a 1 com o Avaí é uma prova disso. O elenco carente de qualidade explica parte do vexame – o qual poderia ser maior e se alguém pode reclamar da sorte pelo resultado é a equipe catarinense – mas não justifica o futebol abaixo da crítica apresentado pelo time comandado por Vanderlei Luxemburgo. Se o profexô ensinou algo aos seus comandados na semana que teve para trabalhar, das duas uma: ou o ensinado não foi assimilado, ou Luxa ensinou ao time como NÃO jogar. Precisando do resultado, com um bom público em São Januário, o Vasco não conseguiu ser convincente em momento algum da par...

  • 1
  • 2
P