Vasco da Gama

Luxemburgo reconhece partida ruim da equipe e foge das críticas à arbitragem

Técnico reconhece que nada deu certo na partida e chegou a afirmar que CSA esteve mais próximo da vitória

Luxemburgo elogia atuação da equipe: “Esse é o Vasco que todo mundo quer ver”

Na entrevista coletiva pós-jogo, Vanderlei Luxemburgo, técnico do Vasco da Gama elogiou a postura dos seus comandados em campo e ressaltou a importância do comparecimento da torcida no clássico contra o Fluminense, além de responder outras perguntas

Vasco vence clássico polêmico contra Fluminense com pintura de Bruno César

Duas expulsões e uma virada. Clássico anima manhã no Rio de Janeiro.

VAR decide jogo contra o Vasco na Arena do Grêmio

Apesar do esforço de todos os jogadores, quem acabou fazendo a diferença na derrota do Vasco para o Grêmio foi o VAR O Vasco foi à Porto Alegre com uma estratégia clara e adaptada às possibilidades da equipe: quando o adversário estivesse com a bola, o time jogaria compactado e com uma marcação forte para recuperar a bola na sua intermediária. E aí, estando com a bola, o time exploraria os contra-ataques em velocidade, principalmente com jogadas pelas pontas. Contra um Grêmio quase todo reserva, a tática deu certo. Não se importando com as estatísticas de posse de bola, a equipe do Luxemburgo conseguiu segurar o ímpeto gremista – que não conseguiu ameaçar nosso gol mesmo tento maior controle da partida – e ainda levar perigo nos contragolpes. Acabou que a primeira etapa terminou com uma vi...

Breno volta a treinar com elenco após onze meses

Zagueiro treina normalmente com demais companheiros pela primeira vez desde o início de agosto do ano passado. Está recuperado de lesão no joelho

Otimismo permitido para a torcida do Vasco

Otimismo, mas não apenas pelas vitórias: 3 a 1 sobre o Foz do Iguaçu é o menor dos motivos para a torcida ter mais fé no Vasco no restante da temporada (foto: www.vasco.com.br) A Copa América termina hoje e o Brasileirão volta à normalidade no próximo fim de semana. E a pausa para a competição sul-americana acabou sendo boa para o Vasco, dando até motivos para a torcida alimentar algum otimismo. Não digo isso pelas vitórias nos três amistosos, que no fim das contas foram contra adversários que nem de longe podem oferecer as dificuldades que teremos no Brasileiro (a lembrar, 2 a 0 sobre o Rio Branco-ES, 1 a 0 sobre o Atlético Goianiense e, ontem, 3 a 1 sobre o Foz do Iguaçu-PR). Essas partidas não podem ser consideradas algo além de treinos de luxo, muito mais úteis para o treinador fazer o...

Justiça suspende rescisão e Bruno Silva volta a ter vínculo com o Vasco

Volante havia conseguido rescindir unilateralmente, mas nova medida do Tribunal Regional do Trabalho reativou o contrato. Jogador, acertado com o Guarani, terá de negociar saída

Com gol de Marrony, Vasco vence por 1 a 0 o Atlético-GO em São Januário

Em São Januário, Richard e Marquinho foram titulares juntos, mas o gol único do duelo foi marcado por uma cria da casa. Luxemburgo deu cerca de 60 minutos para os titulares

Torcida carrega o time e Vasco vence o Ceará

Os 20 mil vascaínos transformaram a Colina no caldeirão e torcida empurra o Vasco para a vitória e para fora do Z4 (foto: www.vasco.com.br) Não há como negar que o Vasco esteja mais arrumado e que na vitória sobre o Ceará pelo placar mínimo fomos um time (ainda que um time não dos mais fortes) e não um bando em campo. Méritos para o profexô e para os jogadores, que têm demonstrado mais disposição e atitude. Mas também não dá pra negar a importância da torcida em mais uma vitória sofrida da equipe. O Vasco foi predominante durante, pelo menos, 80 minutos da partida. Mas enquanto o time dominava o jogo e não conseguia transformar a posse de bola muito superior que teve em um número aceitável de chances de gol, foi o torcedor que teve paciência e incentivou os jogadores. E mesmo vendo um meio...

Vasco buscará manter o embalo contra o Ceará

Com a vitória sobre o Internacional na última rodada, o Cruz-Maltino precisará de novo resultado positivo para sair da zona e ter tranquilidade no recesso da Copa América

Para vencer o Ceará, o Vasco depende de bola no pé, não de pés quentes

Luxa conversa com seu time. Que o papo seja sobre táticas e não sobre amuletos da sorte ou coisa do gênero (foto: www.vasco.com.br) A semana passada foi tão cheia de compromissos profissionais que, confesso, nem consegui ver a vitória do Vasco sobre o Internacional (algo que meus poucos leitores mais atentos devem ter percebido pela ausência de um pré-jogo aqui no blog). E por um erro da SporTV – que não transmitiu o vt anunciado na sua programação – não consegui ver nada além dos melhores momentos da partida, o que deve também ter sido notado pela falta da resenha pós-jogo aqui no espaço. E para o deleite dos engraçadinhos que imediatamente me taxaram de pé-frio, um compromisso inadiável me fará perder pelo menos boa parte do confronto entre o Vasco e Ceará hoje. A pilha é boa...

Vanderlei percebe evolução na equipe

Técnico diz que o ambiente político conturbado atrapalha o clube no Brasileiro

  • 1
  • 2
  • 6
P